A criança que vive em mim
De vez em quando aparece
Olha pra mim e me diz assim
Vê se não se esquece

Nem tudo é opaco nesse mundo
E desistir do caminho é um absurdo!

Não espere pra ver
Onde se chega sem lutar
Nada vai se resolver
Parado no mesmo lugar

O menino que vive em mim
De vez em quando em chama
Bem baixinho em diz assim
Vê se não se engana

Não existe perfeição nesse mundo
E acreditar em tudo é um absurdo!

Não espere pra ver
Onde se vai sem arriscar
Tudo pode se perder
Então começe a andar

Não espere pra ver
Onde se chega sem lutar
Nada vai se resolver
Parado no mesmo lugar

Não existe perfeição nesse mundo
E acreditar em tudo é um absurdo!

Não espere pra ver
Onde se vai sem arriscar
Tudo pode se perder
Então começe a andar

Vídeo incorreto?