A minha história começa
Aonde a do mundo acabou
Eu fui cicuteiro na Grécia
Faquir, samurai, rei nagô

Tudo o que hoje se diz
Eu já dizia, mas
Não podia falar
Pra não embolar o sucesso de outros
Que a máquina ainda iria lançar

Lembra um dia em que todos saíram
Só você precisava ficar
Nessa noite passou o cometa
Que você levou a vida a esperar

"E a sua imagem ficou distante"
Feito um antigo festival
Ninguém se lembra do que veio antes
Quem paga, leva
E "não leve a mal"

Noites em, claro
Dias cinzentos
Tempo que passa
Filme de horror
Eu tento acreditar num bom futuro
Mas no fim em sei que nada
Nada vai mudar

Vídeo incorreto?