Vai tocando, vai tocando, sanfoneiro vai
Castiga o fole que tá bom demais
Vai tocando, vai tocando, sanfoneiro vai
Castiga o fole que tá bom demais

Tira o olho dela que eu vi primeiro
Eu sou forrozeiro do lado de lá
Não venha ciscar aqui no meu terreiro
Que você não sabe o bicho que vai dar

Sou peão de raça, cabra boiadeiro
O beijo quente já provei dessa donzela
Essa rainha senta no meu trono
Tira o olho dela, essa mulher tem dono

Vai tocando, vai tocando, sanfoneiro vai
Castiga o fole que tá bom demais
Vai tocando, vai tocando, sanfoneiro vai
Castiga o fole que tá bom demais

Não adianta só eu sei o passo dela
Ela me leva pra onde ela vai
Pra onde vou também eu levo ela
E a gente gosta do que a gente faz

Em toda festa a gente tá no meio
Quando ela dança todo mundo baba
Não libero ela eu seguro o freio
E deixo a peonada comendo na tábua

Vai tocando, vai tocando, sanfoneiro vai
Castiga o fole que tá bom demais
Vai tocando, vai tocando, sanfoneiro vai
Castiga o fole que tá bom demais

Vídeo incorreto?