Sei
O calor do seu carinho
Mora lá depois do mar
Eu que aprendi andar caminhos
Escolhi chorar no rio e ficar
Mesmo que abra-se o mar
Vou fiacr e fingir
Que eu me perdi da dor

Olho o sol devagarinho
Dando a vez para o luar
Se fiz da noite o nosso ninho
Tenho sombras mil a me acompanhar
Mesmo que os astros mapelem o céu
E meu norte seja você
Vou ficar e fingir
Que eu esqueci o amor
Pra tentar acalmar
As batidas do meu coração
Calar o meu violão
Se ele insistir na canção
Viver assim
Por que não?

Vídeo incorreto?