Sei quê tudo tem um fim
E que nada vai parar o que existe em mim
Sei quê o que foi passou
E agora é não olhar atrás

Quando a tristeza vir dar um brilho a solidão
Tirar o sono ou ofuscar a razão
Difícil acreditar no que pode acontecer
Pois a alegria vem em dobro a cada amanhecer

Sei quê tudo tem um fim
E que nada vai parar o que existe em mim
Sei quê o que foi passou
E agora é não olhar atrás

Sei que passou, sei que passou...

Quando a tristeza vir dar um brilho a solidão
Tirar o sono ou ofuscar a razão
Difícil acreditar no que pode acontecer
Pois a alegria chega em dobro a cada amanhecer

Sei quê tudo tem um fim
E que nada vai parar o que existe em mim
Sei quê o que foi passou 2x
E agora é não olhar atrás

Sei que passou, sei que passou...

Vídeo incorreto?