1974


Éramos jovens,
E nenhum de nós sabia direito o que dizer
Mas o sentimento se movia silenciosamente entre nós
De alguma maneira
Lentamente fizemos
Um grande mudança
Em algum lugar, cruzamos uma grande linha
De joelhos
Provamos o vinho sagrado
E ninguém poderia nos desviar
Por toda a nossa vida

Mais puro do que o céu
Atrás da chuva
Caindo em nosso redor
Convidando para um amor sem limites
O amor acendeu um fogo
Nós éramos a chama
Ardendo na escuridão
Com um brilho vindo de dentro de nós

Nem uma palavra
E ninguém precisou dizer que tínhamos mudado
Nada mais do que vivemos
Será o mesmo algum dia
Conhecendo a verdade
Que ganhamos

Mais puro do que o céu
Atrás da chuva
Caindo em nosso redor
Convidando para um amor sem limites
O amor acendeu um fogo
Nós éramos a chama
Ardendo na escuridão
Com um brilho vindo de dentro de nós

Fique comigo
Faça que seja sempre novo
Para que o tempo não desfaça
Com o passar dos anos
Como eu preciso ver
Que, ainda assim, serei eu

Caindo em nosso redor
Convidando para um amor sem limites
Ardendo na escuridão
Com um brilho vindo de dentro de nós

Mais puro do que o céu
Atrás da chuva
Caindo em nosso redor
Convidando para um amor sem limites
O amor acendeu um fogo
Nós éramos a chama
Ardendo na escuridão
Com um brilho vindo de dentro de nós

Mais puro do que o céu
Atrás da chuva
Caindo em nosso redor
Convidando para um amor sem limites
O amor acendeu um fogo
Nós éramos a chama
Ardendo na escuridão
Com um brilho vindo de dentro de nós

Mais puro do que o céu
Atrás da chuva
Caindo em nosso redor
Convidando para um amor sem limites