Quero


Hoje eu me levantei da cama
Sonhando que você tinha dormido comigo
Hoje desenhei na janela embaçada
Uma cara, sorrindo

Eu daria tudo o que eu tenho pra te ter
Aqui em meu travesseiro, ao invés de sair correndo
Mas você escapa
Como água entre os dedos
Você escapa, como um grito ao vento

Quero, quero, quero que o tempo pare
Quero, quero, quero neste momento
Ouvir tua voz me falando dos dias felizes
Que ainda não me deu, mas terei

Somos prisioneiros e as jaulas que encarceram
Nossos sonhos são as circunstancias
Somos o caminho que há no meio
Entre o feito e o desejo, somos a distância

Todo o que tenho eu te dava
Para te ter como travesseiro
Pra sentir tua respiração, mas você escapa
Como água entre os dedos
Você escapa, como um grito ao vento

Quero, quero, quero que o tempo pare
Quero, quero, quero neste momento
Ouvir tua voz me falando dos dias felizes
Que ainda não me deu, mas terei

Quero, quero, quero que o tempo pare
Quero, quero, quero neste momento
Ouvir tua voz me falando dos dias felizes
Que ainda não me deu, mas terei

Quero, quero, quero que o tempo pare
Quero, quero, quero neste momento
Ouvir tua voz me falando dos dias felizes
Que ainda não me deu, mas terei

Quero, quero, quero
Quero
Quero, quero, quero
Pelo teu amor
Quero, quero, quero
Quero, quero, quero
Quero, quero, quero
Quero, quero, quero