Eu sou cabocla do norte
Sou filha de cajazeira
Sou onça suçuarana
Que bota as unhas peixeira
Quem já andou pelo sertão
Ouviu falar no meu nome
Sou Zefa da conceição
E brigo... que é homem

Eu brigo, briga de foice
Eu brigo, briga de faca
Meu murro fura que é branco
Meu murro fura ressaca
Já enfrentei Lampião
Um dia em piancó
Briguemos de bofetão
Briguemos de sol a sol
Peixeira...
Fumo ....

Eu sou cabocla do norte
Sou filha de cajazeira
Sou onça susuarana
Que bota as unhas peixeira
Quem já andou pelo sertão
Ouviu falar no meu nome
Sou zefa da conceição
E brigo... que é homem

Meu padre Cícero avisou
Que um tal de Zé Coió
Anda valente falando
De juazeiro abricó
Corri atrás do bandido
Dei nele... no rifle
Gritei no pe do...
Que ele é um patife
E do tablefe que eu dei
Ele acabou no recife

Vídeo incorreto?