Tenho uma casa tão velha
Onde não há janelas
Tem buracos no chão

E tem um quintal muito grande
com uma árvore gigante
Que dá fruta no Verão

Mora Lá um gato vadio
que se abriga da chuva e do frio
A minha casa vai ficar nova
Eu já me sinto um mestre de obras

Vou bater, Vou pintar
Construir o meu mundo
Desenhar, martelar
Não dormir um segundo
E no meu quarto há muita cor
Um papel de parede e muito amor

Tenho uma casa tão velha
Onde já não tecto
Porque faltam as telhas

E tem duas torres ao sul
De onde vejo a cidade
E me perco no azul

Vídeo incorreto?