Todas
Não vou desistir
Ninguém vai me impedir
Eu tenho força pra lutar
Nada pode me parar...
Não vou desistir
Ninguém vai me impedir
Sei que é difícil pra viver
Se eu tô aqui é pra vencer

Preta
Essa sou eu, sim
Mulher, sim
Com muito orgulho, sim
Guerreira, eu não nasci pra servir
Confira, de fibra,
Preta leal e voz ativa
Nem feminista, nem pessimista
Sou satisfeita.

Mayah
Aqui é Mayah, hei, se morde e rala!
Determinada, não desisto de nada,
Teimosa, abusada, sinta a pegada
Sou destemida, espiritualizada
Deus e orixás comigo na caminhada

Barbarah
Peraí, deixa eu chegar
Olha pra cá, vou me apresentar
Em meu nome já me mostro:
Tenha medo pois sou Barbarah!
Forte, corajosa, curiosa, envergonhada
Índia, africana, européia, miscigenada
Mas não confunda pois eu não sou leviana
Te mostro minha adaga de Iansã
Essa é minha fama!

Lena
Joguem flores, rufem os tambores
Traga tudo que há de bom
Em ti pra mim
Você quis rir antes do fim
Me destruir
Então e aí? Vai desistir
Mas cadê a força no punho?
Tá com medo do seu erro
Então faz primeiro o rascunho

Todas
Não vou desistir
Ninguém vai me impedir
Eu tenho força pra lutar
Nada pode me parar

Todas
Não vou desistir
Ninguém vai me impedir
Sei que é difícil prá viver
Se eu tô aqui é prá vencer

Todas
Não vou ligar pros espinhos
Que encontrar pelo caminho
Vamo embora que agora
É hora de lutar!

Todas
Não vou ligar pros espinhos
Que encontrar pelo caminho
Vamo embora que agora
É hora de vencer!

Vídeo incorreto?