O que mais sinto saudade no meu pé de serra
É do cheiro
da
terra que você molhou
Lágrimas frias que formavam
rios
Do verde do campo que você criou
Hoje só resta uma
lembrança seca
Que já secou o rio e morreu a flor
E de
saudades canta o papa-sebo
E já não está comigo o meu
grande amor
Volte amiga chuva, volte, por favor
Pra
encher o rio e regar a flor
Volte amiga chuva, volte,
por favor
E traga consigo o meu grande amor

Vídeo incorreto?