Ameaçou chover mas a nuvem o vento espalhou
Uma estrela correu quando a lua no céu clareou
Tudo se fez poesia em tom de magia no ar
Fez a noite armadilha para amar
Ameaçou chover mas anuvem o vento espalhou
Uma estrela correu quando a lua no céu clareou
Tudo se fez poesia em tom de magia no ar
Fez a noite armadilha para amar
Enamorados casais trocam juras de amor ao luar
Vagalumes que passeiam a iluminar
A regência da beleza cabe a natureza
Em cada cabeça uma paz
Não brilha a luz de néon, e sim dos antigos
Lampiões a gás
Um horizonte perdido onde tudo acontece
Até o verbo amar, dando a ligeira impressão
De que nada envelhece naquele lugar
Como se fosse o país de changrilá
Como se fosse o país de changrilá
Laia la laia la laia la laia

Vídeo incorreto?