Eta homem danado,
Eta bicho papão
Chega cheio de manha,
Me toca me assanha, não sei dizer não;

Ele vem de mansinho
Me faz um carinho, me diz que me quer
E na ânsia mais louca
Me beija na boca e me faz mulher.
Me derreto inteira
Na sua maneira tão doce de amar
Nesse barco eu vou fundo
Me esqueço do mundo e me deixo levar.

Ele é tão incrível
Tão irresistível, tão especial
Com um jeito travesso
Me vira do avesso etc e tal.
Me desperta o desejo
Confesso nem vejo o tempo passar
E a gente se agarra
Se deita e se rola e la, la, la, laia...

Vídeo incorreto?