Quantas vezes me encontrei sozinha por aí a te procurar
Com a cabeça mais de mil e o coração na mão a me levar
Quantas noites eu passei em claro sem dormir a te esperar
Te confesso que chorei e jamais acreditei na tua volta
Ninguém consegue ser feliz sem amor, sem ninguém

Vai, vai logo coração
Vê quem bate a nossa porta
Ele voltou, adeus a solidão
A felicidade está de volta, de volta

Vídeo incorreto?