Vou pedir o café da manha,
Vou dormir com a luz acesa
Eu preciso esquece esse amor
Que não sai da minha cabeça.

Não esqueço a marca do batom
Que eu lhe dei quando você foi embora;
Comigo ficou seu perfume
E eu tranquei o seu adeus lá fora.

Eu e a solidão
Estamos no mesmo espaço
Vou mandar meu coração
Dormir em outros braços

Se ele aparecer amanhã de manhã
E bater na porta falando de amor
Ele vai saber que o mundo da volta
Um dia é da caça e outro do caçador.

Vídeo incorreto?