Na cadencia do samba
Sei que vou morrer não sei o dia
Levarei saudades da Maria
Sei que vou morrer não sei a hora
Levarei saudades da Aurora
Quero morrer numa batucada de bamba
Na cadencia bonita do samba
Laranja Maduera

Laranja madura
Na beira da estrada
Tá bichada zé
Ou tem marimbondo no pé
Destino da madeira
Eu tenho o destino da madeira
Que canta quando morre na fogueira
Eu sofro
Sofro muito meu senhor
E canto pra esqueçer a minha dôr
Quando nova mágoa
No meu peito vem morar
Eu faço mais um samba popular

Que pergunta
Você faz
Se eu sou tão infeliz
Para avaliar meu sofrimento
Basta analizar
Os sambas que eu já fiz
Basta analizar
Os sambas que eu já fiz.

Vídeo incorreto?