Eu vou deixar a casa
E vou morar no cabaré
Pra viver a vida inteira
"rudiado" de mulher

Que eu sou desmantelado, ela já sabia
E agora me aporrinha, toda hora, todo dia
E não me satisfaço só com duas ou com três
Pra mim tem que ser uma pra cada dia do mês

Mas que bom é acordar nos braços da "isabé"
Tomar café com a "ranha", almoçar com a "raqué"
Brincar com a judite, carolina ou beatriz
Socorro e juliana vão me fazer mais feliz

Vídeo incorreto?