Refrão:
Lingo, lingo, lingo, lingo,
A viola de penedo
Toca ponteado.
Bongo, bongo, bongo, bongo,
É zabumba a noite toda
No coco rodado.

Zeca Tomé de Porto Calvo,
Num coco em Jaboatão,
Fez todo mundo dar risada
Na primeira umbigada que levou
Sentou no chão.

Refrão

Coco que tem mulher bonita,
A noite passa e ninguém sente.
Entrou na roda, fica preso
E tudo que é home aceso
Dando umbigada na gente.

Refrão

A fazer coisa que eu não gosto,
Prefiro ir preso e passar fome.
Morro dizendo que não quero,
Não aceito e não tolero
Dança de home com home.

Refrão

Cabra enxerido eu dou cachaça
E finjo que bebo com ele.
Se ele fica bebo e dorme,
Não tem talvez nem conforme,
Vou rodar com a mulher dele.

Vídeo incorreto?