Meu nome é safado, sobrenome sem vergonha
Apelido mulherengo, pode vim que eu tô querendo
Meu nome é safado, sobrenome sem vergonha
Apelido mulherengo, pode vim que eu tô querendo
Eu tô querendo, eu tô querendo, eu tô querendo
Mas pode vim que eu tô querendo, eu tô querendo
Eu tô querendo, eu tô querendo

E agora eu tô sozinho, eu tô solteiro, eu tô largado
A conversa se "espaiô", é papo pra todo lado
Por onde eu passei, a galera comentou
Lá vai aquele cara com a fama de pegador
Agora eu tô assim do jeito que eu sempre quis
No meio das ''muierada" é só assim que eu sou feliz
Não vou me iludir, não quero me enganar
Agora eu só quero viver, beijar na boca e farrear

Meu nome é safado, sobrenome sem vergonha
Apelido mulherengo, pode vim que eu tô querendo
Meu nome é safado, sobrenome sem vergonha
Apelido mulherengo, pode vim que eu tô querendo
Eu tô querendo, eu tô querendo, eu tô querendo
Mas pode vim que eu tô querendo, eu tô querendo
Eu tô querendo, eu tô querendo

E agora eu tô sozinho, eu tô solteiro, eu tô largado
A conversa se "espaiô", é papo pra todo lado
Por onde eu passei, a galera comentou
Lá vai aquele cara com a fama de pegador
Agora eu tô assim do jeito que eu sempre quis
No meio da mulherada é só assim que eu sou feliz
Não vou me iludir, não quero me enganar
Agora eu só quero viver, beijar na boca e farrear

Meu nome é safado, sobrenome sem vergonha
Apelido mulherengo, pode vim que eu tô querendo
Meu nome é safado, sobrenome sem vergonha
Apelido mulherengo, pode vim que eu tô querendo
Eu tô querendo, eu tô querendo, eu tô querendo
Mas pode vim que eu tô querendo, eu tô querendo
Eu tô querendo, eu tô querendo

Vídeo incorreto?