Eta le lê!

Baile de neo funk
Chega todo mundo!
Viva a massa neo funkeira
Prayba e mano de viseira!

No baile de neo funk só tem gente descolada
De gatinha semi-nua à bichinha mirim montada
Todo mundo é moderno e se veste parecido
Bebem todas, bem rápido, tudo descontraído

É um povo interessante e a balada sempre bomba
Fila toda quer ser VIP pra poder tirar uma onda
Esse povo sem-vergonha faz até coreografia
Já que hoje isso é hype coisa só pra gente fina!

Eta le lê!

Baile de neo funk
Chega todo mundo!
Viva a massa neo funkeira
Prayba e mano de viseira!

A putaria rola solta, quase uma micareta
Só que aqui é eletro-indie, e a insistência no oitenta
A Ivete aqui não faz rolar a festa
No comando Impostora, porque a gente não é besta

Com RG falso, faz a pinta de adultinha
Pivetada enche a cara de ice, cuba e caipirinha
Logo tem fila no banheiro, papo muito empolgante
Depois sai um carregado, cagado e deselegante

Eta le lê!

Baile de neo funk
Chega todo mundo!
Viva a massa neo funkeira
Prayba e mano de viseira!

Já tá tarde, vão embora
A balada já miou
Como sempre foi babado
Agora é ver quanto gastou
Nota que perdeu comanda,
Roupa e dignidade
Faz a amiga, e vê se rola
Deixar pra pagar mais tarde

Eta le lê!

Baile de neo funk
Chega todo mundo!
Viva a massa neo funkeira
Prayba e mano de viseira!

Vídeo incorreto?