Lá no Bairro a onde eu moro só tem uma mercearia
Seu dono é mal educado e maltrata a freguesia
Resolvi comprar a prazo sem querer fui lá um dia
Fui muito mal recebido, teve a maior baixaria.

Ele estava brindo a porta na hora que eu cheguei
Até hoje não esqueço a vergonha que eu passei
Senti tanto humilhação ali sem graça fiquei
Nisso entrou uma mulher muito pobre eu notei

Pedindo leite ao vendeiro estamos necessitados
Meu filho esta doente e o pai desempregado
Ele foi grosso com ela, nervoso e muito irritado
Nesse momento no chão vi um dinheiro no lado.

Era uma nota de cem nessa hora apareceu
Peguei fiz uma compra e o leite pro filho seu
Paguei com esse dinheiro ela me agradeceu
E sumiu na nossa frente nunca mais apareceu

O vendeiro assustou de medo a voz não saia
Chorando ele arrependeu das maldades que fazia
Mulher levou com ela toda a sua valentia
Hoje faz qualquer negocio trata bem a freguesia

Vídeo incorreto?