Graças dou por esta vida,
Pelo bem que revelou
Graças dou pelo futuro
E por tudo que passou.

Pelas bênçãos derramadas,
Pelo amor pela aflição,
Pelas graças reveladas,
Graças dou pelo perdão.

Graças pelo azul celeste
E por nuvens que há também,
Pelas rosas do caminho
E os espinhos que elas têm.

Pelas noites desta vida,
Pela estrela que brilhou,
Pela prece respondida
E a esperança que falhou.

Pela cruz e o sofrimento,
E, afinal, ressurreição,
Pelo amor, que é sem medida,
Pela paz no coração;
Pela lágrima vertida
E o consolo que é sem par;
Pelo dom da eterna vida
Sempre graças hei-de dar.

Vídeo incorreto?