Os punhos no ar, sonho novo
Nós somos sementes do povo
Queremos ser livres, amar!
Trazemos no peito a esperança
A história na mão, confiança
Que um dia nós vamos ganhar!

Aonde tem gente se unindo
Depressa, nós vamos sorrindo
Nós cremos no novo amanhã
Já chega de morte, injustiça!
Abaixo egoísmo, a preguiça
Da vida nós somos os fãs!
Vamos lá! Vamos lá!

A história ninguém deterá
É rio que corre pro mar
Ninguém vai nos calar, nos calar!

Um ano pro jovem é bem pouco
Pra gente vencer o sufoco
A vida completa se dá
Escola, trabalho, alegria!
Bandeiras de todos os dias!
Na marcha, nós vamos levar!

Queremos dizer aos senhores
Políticos, nobres, doutores!
Com suas multinacionais
Não somos produto na praça
Tão pouco nós achamos graça
O fel ta amargo demais!
Vamos lá! Vamos lá!

Levante essa voz companheiro
E abra o olho ligeiro
Não fuja da luta, jamais!
Em cada caminho ou na rua
Assume essa causa que é tua
Semeie as sementes da paz!
Vamos lá! Vamos lá

Vídeo incorreto?