Deixa a poeira subir
( Adézio Dias/ Marcio Franco )

Deixa a poeira subir Deixa o orvalho cair
Paixão fluir no peito Deixa o touro pular
Deixa canção te levar É festa de rodeio

Deixa a poeira subir Deixa o orvalho cair
Paixão fluir no peito Deixa o touro pular
Deixa canção te levar Pro mundo do rodeio

De calça jeans, bota, chapéu, cinturão e fivela
Se segura coração é muita emoção que te espera

Locutor esta na arena e chamando cada peão
Um viva à Nossa Senhora todos de chapéu na mão
Abre a porteira do brete escancara o coração
No batidão da viola hoje vai tremer o chão
Abre a porteira do brete escancara o coração
No batidão da viola hoje vai tremer o chão

Deixa a poeira subir Deixa o orvalho cair
Paixão fluir no peito Deixa o touro pular
Deixa canção te levar Pro mundo do rodeio


O locutor, é fera, é chique, é pra lá de apaixonado
Vai sacudir a galera com versos improvisados

Arquibancada ta lotada é o povão no rodeio
Aqui só tem mulher bonita as feias pra cá não veio
O touro pula na espora peão não perde o galeio
Daqui a pouco tem bailão e no bailão eu to no meio
O touro pula na espora peão não perde o galeio
Daqui a pouco tem bailão e no bailão eu to no meio

Deixa a poeira subir Deixa o orvalho cair
Paixão fluir no peito Deixa o touro pular
Deixa canção te levar É festa de rodeio

Deixa a poeira subir Deixa o orvalho cair
Paixão fluir no peito Deixa o touro pular
Deixa canção te levar Pro mundo do rodeio