Meu bem não quer que eu vá
Sozinha, sozinha
Meu bem não quer que eu vá
Sozinha a beira-mar

Lá na beira do mar
Tem muito tubarão
Nos olhos de mormaço
Mordendo o coração
Quando eu vou com meu bem
É tudo mansidão
Mais quando eu vou sozinha
Eles não são mansos não

Uma vez la na praia
Num dia de calor
Me deitei na areia
Meu bem também deitou
Dormi a manha toda
Ninguém me incomodou
Mas fui tão beliscada
Quando meu bem cochilou