Toda vez que te aproximas
É p'ra dizer: "vamos casar!...
Vamos viver em paz, para um ano depois
Em vez de dois sermos mais"

(estribilho)
Oh! não, absolutamente
Casar não posso, passou de moda
Eu não vou nisso, essa conversa não convém
Que o amor desaparece quando a fome vem.

Mas insistes na cantiga
Dizendo assim: "p'ra que comer?
Quando a gente quer bem, mesmo sem ter vintém
Come a comida que tem"

(estribilho)(2x)

Vídeo incorreto?