Vai meu bem (bis)
Não posso mais viver do teu carinho
Adeus, adeus, benzinho

(Estribilho)

Você diz que não me quer, não sei bem qual a razão
Sei somente que você nunca teve coração
Mas a vida é sempre assim, ninguém ama sem sofrer
Você judiou de mim e eu fiz tudo por você


Eu não desejo a você o mal que causou a mim
Porque tudo nesta vida com certeza tem seu fim
Tudo enfim já se acabou, não há mais p'ronde apelar
O amor é como a flor, que algum dia há de murchar

Vídeo incorreto?