Sei de um mulato que não gosta da cidade
Diz que isto aqui por baixo não é p'rá ele não
Prefere o morro, dispensa o cinema
e neres de "fox-trot", é do samba-canção
No carnaval diz que desceu fantasiado
e foi mal interpretado pelos brancos de cá
Fêz um colarinho do seu violão
depois subiu ao morro chorando esta canção:
"Quem quebrou meu violão de estimação..."

Foi ela, foi ela a culpada
ficou sugestionada com as danças de cá
lá lá rá lá rá, lá lá lá rá lá (êi)
E hoje vive lá no morro
onde há samba "p'rá cachorro"
e onde o povo é mais igual

Vídeo incorreto?