Quando estou sozinha você chega
mesmo sem pedir você me abraça
adivinha o que eu quero e me beija
e toda a insegurança logo passa.

Na hora do medo você me protege
na hora da briga você me defende
se tento viver só prá mim não consigo
se estou mal comigo você me entende.

Na hora do beijo sinto sua boca
como se fosse a minha me deixando louca
e nesse carinho nem sei o que faço
se não me dou inteira, falta um pedaço.

Refrão: Na hora da cama também é assim
é sempre um começo e nunca o fim
Em você aprendi a matar minha fome
e sendo meu homem se alimenta de mim.

# Repete a partir da 3ª estrofe #

Vídeo incorreto?