Olha, sou convidada pra tudo o que é festa de amigo
meu
Eu só levo comigo meu berimbau, meu abadá e minha
educação
Eu entro na roda, dou rabo de arraia, dou salto
mortal
E um aperto de mão no camarada que na capoeira é meu
irmão

Balança o corpo pra lá, balança o corpo pra cá
Olha, um bom capoeira só para uma roda se o mestre
mandar
Balança o corpo pra lá, balança o corpo pra cá
Olha, um bom capoeira só para uma roda se o mestre
mandar

Vídeo incorreto?