Ôi cantador embola o côco
Ôi cantador vamo embolar
Ôi cantador embola o côco
Ôi cantador vamo embolar

Olha a moça bonita roda toda a saia
E a cintura é aquela gostosura
Umbigada vamo dá
Vem mariquinha e "dedé da mococa"
Será mesmo que ele toca ou veio forrofiá?

Ôi cantador embola o côco
Ôi cantador vamo embolar
Ôi cantador embola o côco
Ôi cantador vamo embolar

Em qualquer terreiro a poeira se alevanta
Zabumbar ninguém se espanta
Quando a roda começar
Ôi cantador embola o côco
Em qualquer terreiro
Tem magia que enfeita
Todo mundo se atiça dança até o sol raiar

Ôi cantador embola o côco
Ôi cantador vamo embolar
Ôi cantador embola o côco
Ôi cantador vamo embolar

Balanço de maria(buco do pandeiro)

O balanço de Maria é só no vai e vem
Prá dançar forró, é so Maria e mais ninguém

Maria dança na base da gafiera
E é conhecida na ribeira por Maria xenhenhém
Quando ela dança, todo mundo para
Que é pra ver o rebolado e o balanço que ela tem

O balanço de Maria é só no vai e vem
Prá dançar forró, é so Maria e mais ninguém

Maria filha de dona Raimunda
É a primeira sem Segunda pra dançar o xeem
Zé da gamela quando dança com Maria
Só se ouve a gritaria só pedindo o vai e vem
O balanço de Maria só no vai e vem
Pra dançar forró, só Maria e mais ninguém

Vídeo incorreto?