Perdono (tradução)


Perdão, perdão, perdão!
Eu sofro mais ainda de ti.

Dizia as coisas que dizes tu,
havia os mesmos olhos que hás tu.
Tu havias me abandonado e eu me encontrei
de improviso já abraçada a ele.

Perdão, perdão, perdão!
Eu sofro mais ainda de ti.
Perdão, perdão, perdão!
O mal, o fiz mais a mim.

As vezes chorando não se vê mais,
de como sorriu, parecias tu.

De noite é muito estranho,
mas o fogo de um fósforo
parece o sol
que não se tem.

Perdão, perdão, perdão!
Eu sofro mais ainda de ti.
Perdão, perdão, perdão!
O mal, o fiz mais a mim.

De noite é muito estranho,
mas o fogo de um fósforo
parece o sol
que não se tem.

Perdão, perdão, perdão!
Eu sofro mais ainda de ti.
Perdão, perdão, perdão!
O mal, o fiz mais a mim.

Perdão, perdão, perdão!
Eu sofro mais ainda de ti.
Perdão, perdão, perdão!
Eu sofro mais ainda de ti.