Essa minha flor de macieira
Dou de graça a quem quiser me amar
Quem tiver desejos pra matar
Fica comigo
Meu beijo é veneno de serpente
Fatalmente vai se apaixonar
Quem chegar com jeito inocente
Dança comigo
Sou a caça e caçadora quando quero
Meu olhar de santa é brilho enganador
Todo homem que cai no meu lero-lero
Não esquece o gosto bom da minha flor

Eô, eô
Ajoelhou tem que rezar
Eô, eô
Se 'tá sobrando eu quero dar
Eô, eô
Pra ficar novo é só lavar
Eô, eô
Sabendo usar não vai faltar

Vídeo incorreto?