Sentado na barranca não escondo a solidão
Estrelas tão distantes servem de inspiração
O rio tem uma alma tem a sua própria vida
Mas nesse espelho d'água vejo a minha refletida

A água passa assim prá não voltar
Como um amor perdido
A gente teima em procurar

Mesmo que o tempo tente me negar
Deixo o rio me levar até você
Ver quanta beleza há nesse lugar
Ao seu lado em um novo amanhecer

Vídeo incorreto?