Já tomei vergonha na cara
Não sou mais aquela otária,
Que servia de brinquedo pra você.
Criei coragem, tô pulando fora
Com você meu cachorrinho
Toda hora vai andar atrás de mim.
Cansei de aplicação, papo furado
Pode ficar sossegado
Acabou a gente para por aqui.

Quero libertar meu coração
Quero sair dessa prisão
Quero encontrar alguém que gosta de mim.

Não queira se fazer de arrependido
O que você fez comigo
Me perdoa, mas só que chegou ao fim.

(Refrão)

Sai pra lá aplicador cheio de lábia,
Só ilude, só maltrata, brinca e faz gato e sapato,
Só engana, é um tremendo sedutor, e ainda diz que tem razão.

Vê se te toca, dá um tempo, vai embora
Corta essa pula fora,
Nunca mais eu te dou bola,
Tua fama é viver de aplicação, mas só ...
Comigo não!

Vídeo incorreto?