Da vontade de desistir e seguir o sol
Pra prolongar a luz, que os seus olhos pararam de me iluminar.
E não ter mais noites, porque são frias.
Você sempre numa boa, fingindo ser durona
Daqui alguém vivendo algo só
Olhando os quadros na parede do meu quarto
Com um sentimento que não tem sentido sem você.
Conselhos certos e com razão que devo te esquecer.
Como se eu pudesse apertar um botão e pronto!

Começando a ficar frio, onde estão os seus olhos ?
Aqueles mesmos que trouxeram aquela felicidade...

Por sofrer assim?Quem disse que me deram escolha?
Por todos os lugares que passei, se tinha um...
Se tinha um, que lembra-se você
Ali parei!
Faltaram números para contarem os pedaços
do meu coração
Te sentia apenas em pensamentos...
E recuperando os sentidos, foi triste demais.
Perceber que te perdir.
Lutei tão pouco, tão pouco.
O que eu faço para te ter de novo?
No meu coração ás vezes bate a audácia.
E com pena dele, deixo ele viver essa ilusão.
Afinal ele já sofreu tanto...
Quando o sol se despedir de vez, vi mais um dia sem você
e nem as poesias mais lindas conseguiram te trazer de volta...

Começando a ficar frio, onde estão os seus olhos?
Aqueles mesmos que trouxeram aquela felicidade...

Naquele dia não deveria ter deixado você partir.
E ter dito de coração:
-Volta pra mim.

Naquele dia não deveria ter deixado você partir.
E ter dito de coração:
-Volta pra mim.

Naquele dia não deveria ter deixado você partir.
E ter dito:
-Volta pra mim Coração!!!

Vídeo incorreto?