A lua me prometeu
Que um dia antes de sumir
Iria me conceder toda paz que almejo ter
E após essa promessa se perdeu num redemoinho
Em meio ao céu cristalino
E depois evaporou.

Por favor, retorne á mim lua cheia
Porque se fez assim tão faceira
Num mundo tão sem fim, ó sereia
Retorne para mim...

Sem destino hoje eu passo
Á vagar noites inteiras
Esperando seu retorno
E a promessa se cumprir
Passo as noites em claro, na esperança de ver as estrelas
Cintilantes com sua presença
Que uma noite hei de sentir...

Por favor, retorne á mim lua cheia
Porque se fez assim tão faceira
Num mundo tão sem fim, ó sereia
Retorne para mim...
Devolva-me a beleza ó cheia
Me traga toda sua pureza
Nos ares como sua realeza
Por que se fez assim?

Vídeo incorreto?