A minha nêga reclama
A minha nêga reclama

Ela reclama
Diz pra eu voltar logo pra cama
Porque madrugada não é hora pra canção
Ela não se conforma quando eu vou ao Morenão
E quase me mata quando eu jogo a roupa no chão
Ela diz que lugar de roupa é no armário
Ela quis que eu escolhesse entre ela e o Operário
Mas é assim toda vez que eu volto pra Vila Carvalho
Pra sambar

E o que ela não sabe
É que sem ela não há inspiração
E é bem verdade
Que eu sempre uso ela como minha explicação
Mas nada seria igual
Se ela não morasse no meu coração
E não há lugar
Pra outra

A minha nêga reclama
A minha nêga reclama

Vídeo incorreto?