Coração pulou no pito quando peguei o estradão
E sai na trilha certa de volta para o meu chão
Cheiro gostoso de mato e os passarinhos cantando
Cantigas de cachoeira e eu voltando, voltando

Era eu que vinha vindo de volta pros meus meninos
Pra vê o sorriso lindo da dona do meu destino
Tereza, cadê Tereza, que beleza de cabocla
Só de pensar em seus beijos me dava água na boca

Quando vi meus dois meninos queimados de sol forte
Pensei comigo, meu Deus sou mesmo um cabra de sorte
Tereza, cadê Tereza, mas ela já vinha vindo
Correndo para os meus braços falando, chorando e rindo

Apertei-a em meus braços bem juntinho ao coração
A noite chegou seu moço e o resto eu não conto não

Vídeo incorreto?