Há tempos atrás numa cidadezinha do interior
Eu a conheci tão inocente ainda uma criança
E crescemos juntos e sonhamos muito planos nós fizemos
Havia em seus olhos muita alegria, muita esperança

Até que um dia arrumou as malas foi pra capital
Passaram-se os anos louco de saudade também fui embora
Na grande são paulo então fui morar e fui conhecer
A vida noturna em uma boate ali na rua aurora

Pedi uma dose quando em minha mesa alguém então sentou
Sob a penumbra de uma luz escura saímos pra dançar
Olhando em seus olhos, vi que era ela quem estava ali
Não acreditei depois de tantos anos fui lhe encontrar

Então nos amamos e nos entregamos matando a saudade
Quando acordei ela não estava, tinha ido embora
Deixou um bilhete dizendo te amo foi a noite mais linda
Num beijo de batom o seu nome escrito, a dama da aurora

Vídeo incorreto?