Andarilho encantado
Nascido em fevereiro
Sonho eletrificado
Onde a guitarra cantou primeiro
Sou a Escola de Samba de rodas
Da Bahia fui pro mundo inteiro
Alegria, me acorda sem cordas
Do amor sou prisioneiro

Prisioneiro seu namorado
Bailarina da caixinha de música
Balançando ao seu sapateado
Girando, girando.
Movido a mágica

Avisa lá, Didá, Comanche, Apache, Ilê
Timbalada, Malê Debalê, olha o Gandhy, o Afro Sudaka
Ara Ketu, Cortejo, Muzenza, sambando ao som do Badauê
Que lindo é o Olodum balançando a praça

Eu falei Faraó
Chuva, sour e cerveja
Me abraça e me beija
Na praça me beija

Eu falei Faraó
Amor não se perca
Não desapareça
Não se perca de mim

Axé, achei
Que bem me fez
Vou esse conto de fadas
Voando sem asas
Dançando com o Rei
Brincando fantasiada
Nessa Lata Alada
De ?Era uma vez?

Ô, bata lá em casa
Que eu tô
Eu vou fantasiada
Amor

Vídeo incorreto?