Ô abre alas que eu quero passar
Ô abre alas que eu quero passar

Sou viajante aventureira
Sou mulher e minha fronteira
É o que vier

Sou cria da minha aldeia
Sou do mato
Do asfalto
Da maré

Sou filha da terra inteira
E hoje canto pra ver o teu balé

Carolina dançou
Janaína dançou
E a nina que era linda
Que era linda dançou

E foi lá ver a rua girar
Foi lá ver

Ô abre alas que eu quero passar
Ô abre alas que eu quero passar

Vídeo incorreto?