Eu não sei viver sem você
E, se ainda me quiser,
Eu não vou te decepcionar

Me imploro, me arrasto aos seus pés
E, se a ainda me quiser,
Eu não vou te decepcionar

Largo tudo e volto a você
E, se ainda me quiser,
Eu não vou te decepcionar

Dou-lhe o mundo em rimas, não vê
E, se ainda me quiser,
Eu não vou te decepcionar

Lhe dou uma tonelada de amor,
Uma tonelada de amor
Lhe dou uma tonelada de amor,
Uma tonelada de amor

Ao seu lado, eu sou carnaval
E, se ainda me quiser,
Eu não vou te decepcionar

Eu viro escravo de você
E, se ainda me quiser,
Eu não vou te decepcionar

Meu futuro pertence a você
E, se ainda me quiser,
Eu não vou te decepcionar

Dou-lhe tudo, tudo
E, se ainda me quiser,
Eu não vou te decepcionar

Vamos andar embaixo da lua,
De mãos dadas e cara pro vento,
Pés descalços pisar em espumas
Que lambem areias num mar em movimento,
Vamos sentar e só falar besteiras
E dar vazão aos nossos pensamentos,
Vamos sentar e agradecer a vida
E eternizar os nossos bons momentos
Você é tão jovem e eu, idade de Cristo
E a nossa briga é pura perda de tempo,
Eu te amo, você me ama,
Vamos dormir na lua de um bom tempo
Feche os olhos, meu bem, adormeça,
Encoste a cabeça no meu peito, então
Só não me deixe nunca mais sozinha,
Pois, sem você, morro de solidão...

Vídeo incorreto?