No silêncio da cidade


Era uma tarde de terça
Eu tinha acabado de chegar do trabalho
Eu liguei a TV e,
o que eu vi?
Eu vi a terceira guerra mundial
bem na minha frente
Eu achei que deveria acordar pra realidade
Não estava indo
è.
E tudo que pude ver
era essa horrível tragédia.

No silêncio da cidade,
nenhum telefone celular toca.
No silêncio da cidade,
você não consegue escutar nada.
No silêncio da cidade,
os sorrisos são apagados.
No silêncio da cidade,
não há mais nada pra dizer

Nova Iorque, Nova Iorque,
tão bom que te nomearam duas vezes,
cidade que nunca dorme,
você acredita nos seus olhos?
Se eu dissecasse a guerra,
Grande Maçã (Big Apple) está comida até o final
e duas grandes torres,
desintegram-se no chão
E Manhattan não está lá,
não está mais lá!

No silêncio da cidade,
nenhum telefone celular toca.
No silêncio da cidade,
você não consegue escutar nada.
No silêncio da cidade,
os sorrisos são apagados.
No silêncio da cidade,
não há mais nada pra dizer

E os duros guardas de Nova Iorque
com lágrimas nos olhos,
cansados e vestindo roupas de bombeiro usadas.
Esperando ouvir choros
e emergências e médicos
Ultrapassados pela exaustão
E todos os trabalhadores de resgate
preenchidos pela emoção.

No silêncio da cidade,
nenhum telefone celular toca.
No silêncio da cidade,
você não consegue escutar nada.
No silêncio da cidade,
os sorrisos são apagados.
No silêncio da cidade,
não há mais nada pra dizer

O 11 de setembro
de 2001
O World Trade Center e o Pentágono
essas fotos que nós vemos
quase desafiam a crença.
Nas ruas de Nova Iorque,
as pessoas são atingidas pela mudança
de rumo para a dor.

No silêncio da cidade,
nenhum telefone celular toca.
No silêncio da cidade,
você não consegue escutar nada.
No silêncio da cidade,
os sorrisos são apagados.
No silêncio da cidade,
não há mais nada pra dizer

O horizonte de Nova Iorque
todos nós admiramos antes.
As duas grandes torres
simplesmente não estão mais lá.

No silêncio da cidade,
No silêncio da cidade,
No silêncio da cidade,
No silêncio da cidade,
No silêncio da cidade,
No silêncio da cidade,
No silêncio da cidade,
No Silêncio.