Assim como a lua procura o sol em plena escuridão
Vem orbitar meu coração como toda folha que a deriva vai
Sonha com o vento que um dia vai te levar voar pro mar...

Meu amor cigano, profano, profundo
Me viciou, tomei na veia o teu licor
Te mostrei feridas que a dor cicatrizou
Se sabe que a cura está no que mais marcou...

Eu te procurei na trilha de um tufão
Entaõ te encontrei nas linhas das nossas mãos
E eu te jurei que a cartas dizem mais
E te dediquei a minha alma lilás... e mais: a paz!!!

Minha parte gêmea, ingênua
Mutante camaleão...
Tortura a minha emoção atrás do espelho...
Eu refleti você, cara metade perdida na imensidão

Vamos transceder secretas dimensões
E viver além do alvo das ilusões
Ver num dejavou o pacto que se fez
Tantos anos, luz de novo te reencontrei
Te amei, te deixei, voltei
Te encontrei.,...

Vídeo incorreto?