Eu sou o verão que te bronzeia
Sobre as águas turvas do mar
E da noite escura sou lua cheia
Clareando por onde você passar
O sol que aparece de manhã
Aquecendo nossa paixão
Sou um pequenino grão de areia
Nas dunas do seu coração

Sou os fragmentos dos teus sonhos
Depois de uma noite de amor
Eu sou um vulcão enfurecido
Levando até você o meu calor
O céu as estrelas o infinito
A força voraz de um furacão
As flores mais lindas do campo
Num jarro do seu coração

Vídeo incorreto?