Fui com um amigo num baile de
Arrasta-pé
Desses de bater o pé e ver a poeira subir
Me encantei pois nunca vi tanta mulher
Você sabe como é,comecei me divertir

O meu parceiro tanto quanto acanhado
Olhava pra todo lado querendo
compreender
E de repente pareceu sair do espanto me
levando
Para um canto começou a me dizer...

Ó meu cumpadi já que tem mulher
sobrando
Os homens estão faltando
A gente tem que se entender
No meu pensar pra gente não discutir
Vamos ter que repartir,pra nenhum dos
dois perceber

E foi aí que veio uma recordação
O velho rei do baião
Foi numa festa bem assim
Então falei:´´já que não tem outro jeito,
Pra ficarmos satisfeitos
Uma pra tu,uma pra mim´´

Uma pra mim,uma pra tu,uma pra mim,
outra pra mim
Uma pra mim,uma pra tu,outra pra mim,
Uma pra mim,uma pra tu,uma pra mim,
outra pra mim
Uma pra mim,uma pra tu,outra pra mim

Vídeo incorreto?