Esse Brasil é meu
Esse Brasil é meu
Eu não vendo nem entrego
Porque ele é meu

Eu nasci aqui, nesse clima tropical
No pais do carnaval, da cachaça e do forró
Da moreninha, da mulada e do caboclo
Do cabra que canta coco, dos heróis do futebol
Do homem liso que perambula na rua
Daquela criança nua correndo atrás do tostão
Daquele rico dormindo em berço de ouro
Daquele chapéu de couro e do tempo de lampião

Quem é que não quer desfrutar dessa nação
Uma terra sem vulcão onde canta o sabiá
Onde se brinca, se caçoa, se debocha
Mesmo quando a coisa morcha e a barriga vai roncar
Esse brasil que navega numa canoa
Onde o dinheirinho voa do bolso do cidadão
Da loteria que faz o milionário
Tirando aquele operário daquela vida de cão

Vídeo incorreto?