Quando olhei a terra ardendo
Lembrei de Luiz, o rei do baião
E quando o fole da sanfona foi gemendo
A saudade foi doendo no meu coração

Olhei pro céu e vi uma estrela
Iluminando que nem balão
E aquela luz que prateava e derramava no sertão
Numa canção que não se acaba
Era Gonzaga, rei do baião

Vídeo incorreto?