Os pedaços que eu trouxe são daqueles que eu sempre amei
E seguiram em outra direção
Costurados sobre os ossos da pessoa que eu sempre sonhei
E o coração eu roubei de alguém
Que nunca viu o amor do jeito que eu conheci
Clichê romanticida que partiu-se em dois
Mas de alguma forma ele me serviu

Fiz você
Do jeito que eu quis
Por Você
Mudei meu mundo
Quis você
E agora não dá pra saber
Quem é você
E quem sou eu
Ou quem controla quem

Nos teus braços, outros traços
Outra forma de sentir você
À forma da imaginação
Nessa hora em seus olhos, dentro e seco na primeira vez
Esperei a tua reação
Mas nem sequer chorou
Parece que nem quis sentir
Do mesmo jeito triste eu te mostrei o amor
E acabei com o humano que existiu em mim

Fiz você
Do jeito que eu quis
Por Você
Mudei meu mundo
Quis você
E agora não dá pra saber
Quem é você
E quem sou eu
Ou quem controla quem

Vídeo incorreto?